quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Favoritos (ou mais usados) de fevereiro ♥

Além de juntar os favoritos do mês, eu gosto de dar uma olhada nos favoritos do mês anterior para ver se eu repeti o uso de algum produto, fazendo isso, percebi que em fevereiro mudei um pouco a minha rotina de maquiagem, o que me deixa um tanto quanto feliz porque isso significa que eu estou usando outras coisas de maquiagem que tenho por aqui.



1. Paleta Undressed, Makeup Academy: desde que ela chegou tenho usado-a quase que diariamente! Gosto muito das sombras 5, 6, 7 e 8. Tem resenha dela aqui;

2. Hidratante facial Age Defy Moisture Cream SPF 15, Sephora: sei que ainda não preciso usar anti-rugas, mas uso esse hidratante para misturar com a base que usei esse mês. Usando sozinho, sinto que a minha pele fica brilhante demais. Por fim, para usar apenas ele não acho um bom produto para pele oleosa, mas combinando com uma base matte fica perfeito;

3. Base líquida FPS 15 antibrilho, O Boticário: já tenho essa base há mais ou menos um ano. Deixei de usá-la porque percebi que ela marca muito certas partes do rosto devido a fórmula e ao acabamento. Ela é muito seca e por isso não conseguia mais usá-la, até que tive a ideia de misturar com o hidratante da Sephora. Agora o acabamento fica mais brilhante mas continua aguentando bem a oleosidade;

4. Corretivo Pro-Longwear, M.A.C.: como já comentei em algum post recente do blog, o Select Moisturecover finalmente acabou. Não estou podendo usar o Studio Finish ainda porque minhas olheiras ainda estão meio secas, o que faz o Studio Finish marcar tudo. Tenho usado o Pro-Longwear e gostado muito dele, virou o corretivo do dia-a-dia. Assim como todo mundo, vou reclamar da válvula que é horrível e desperdiça muito produto. De qualquer forma, uso aquele truque de apertar de leve, sem deixar o pump descer todo, várias vezes, termina saindo a quantidade suficiente para cobrir minhas olheiras;

5. Blush líquido, O Boticário: esse é o melhor blush que tenho e indico ele à todas por ser barato, durar muito na pele e ter um cor universal. Tenho o meu há mais ou menos um ano e ele ainda não chegou sequer na metade. Uso nas bochechas e nos lábios;

6. Rímel Hypnôse Precious Cells, Lancôme: esse foi o meu primeiro rímel marrom. Ganhei-o no começo do mês e desde então tenho usado bastante. Gosto do efeito dele porque ele alonga muito e dá um volume bem leve nos cílios, também gosto porque ele não é o tipo de rímel que sai facilmente mas consigo tirá-lo no banho;

7. Paint Pot "Painterly", M.A.C.: também ganhei no começo do mês e fiquei pensando o quanto ele é incrível porque deixa toda a pálpebra numa cor uniforme, acabando com a cor marrom arroxeada que ela tem devido as minhas olheiras, além de ser uma base/primer de sombras;

8. Sombra "Omega", M.A.C.: veio junto com a leva do início do mês. Estava louca por essa sombra porque a Viola do Killer Colours usa muito nas maquiagens dela. Tenho usado para dar mais definição nos olhos. É uma sombra taupe clara com acabamento matte, acho ótima para definir o côncavo e preencher a sobrancelha.

Espero que vocês tenham gostado dos favoritos de feveiro! Quais foram os produtos favoritos/mais usados desse mês? Comenta aí me contando!

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Brush Cleaning Glove da Sigma

Vi esse vídeo no reddit e achei interessante compartilhar com vocês:
http://www.youtube.com/watch?v=rzT8I2lKcy8&feature=share

O Wayne Goss gongando a luva que a Sigma lançou dizendo que é uma luva de cozinha! O que me faz pensar: isso tudo é necessário? Comprar todas essas coisas que estão pipocando por aí vai mudar a maneira como eu me maquio, lavo meus pincéis e etc? Ou só consumismo desenfreado? Atualmente eu tenho certeza que é a última hipótese...

p.s.: olhando o Nouveau Cheap, encontrei essas fotos das paletas novas da Wet'n'Wild: 




Tem algumas sombras que parecem com algumas da Naked, achei muito legal!

créditos das imagens para makeupbuzz88 e Nouveau Cheap

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Resenha: blush Douceur, NARS

O primeiro blush da NARS a gente nunca esquece.

Esse blush chegou essa semana junto com o meu Kobo - momento de muita felicidade! Encomendei-o na Kiss and Makeup NY, demorou um mês para chegar. Tudo custou US$40,95 (escolhi o frete com seguro, porque estou um pouco traumatizada com os Correios), o blush custou US$26 e o envio US$14,95, o total em reais deu mais ou menos uns R$80 ou R$82. Achei que valeu a pena porque na Sephora o mesmo blush custa R$112.


Por que meu primeiro blush da NARS foi o Douceur e não o clássico Orgasm? Simples: eu já tenho um blush com tonalidade próxima a do Orgasm - pra quem não sabe é o Hot Mama! da TheBalm - e eu estava em busca de um blush mais neutro, mais fechado. Fiquei muito em dúvida entre o "Exposed" (Tarte), o Dallas (Benefit) e o Douceur (NARS). O Dallas foi o primeiro que excluí porque ele tem um brilho muito, mas muito sutil e eu estava em busca de algo 100% matte, além do mais, seria difícil de comprá-lo pois na Sephora Brasil não tem essa cor, a Benefit não entrega mais no Brasil e estava complicado de encontrá-lo em outras lojinhas. Por fim, fiquei em dúvida entre o Exposed e o Douceur. Na comunidade do Conversa de Beleza, a Maria Clara me esclareceu várias dúvidas e eu terminei optando pelo Douceur porque ele me pareceu ser um meio termo entre o rosa e o marrom.




A embalagem me pareceu bem segura, se eu fosse viajar, com certeza levaria esse blush. O material parece ser resistente, a parte de fora tem alguma coisa um pouco emborrachada, o fecho não vai abrir a qualquer minuto e não é magnético. Tem um espelho interno, mas achei pequeno.


Ainda na embalagem, informa que vem 4.8g de produto. Não é o maior dos blushes, mas também não é minúsculo, acho que é um pouco maior que a miniatura de blush da Benefit.




Gostei da pigmentação, sempre tenho cuidado ao aplicar blush para não ficar com o rosto marcado. Peguei um pouco com o pincel que geralmente uso para blush - um mini kabuki da EcoTools - retirei o excesso com uma batidinha e apliquei no rosto, depois esfumei. Gostei muito porque não ficou chamativo, não dava pra perceber que eu estava usando blush. Pus um pouco mais de blush, com a mão um pouco mais forte, após isso, esfumei e fiquei satisfeita com o resultado final.


Uma coisa que me encantou nesse blush foi o quanto o pó dele é fininho, não esfarelou nada e esfumou perfeitamente. Não caiu blush onde eu não queria, espalhou com facilidade, isso me agradou bastante.


Algo que me deixou um pouco desapontada foi a duração dele: cerca de 5 horas depois, ele não estava mais presente nas minhas bochechas. A maioria das resenhas que li sobre os blushes da NARS falava o quanto era boa a duração dele, mas não achei essas coisas todas. O blush da TheBalm dura mais em mim. Acho que vou começar a usar um blush líquido por baixo da base e depois de fazer toda a pele, aplico esse blush, acho que assim vai durar mais. Provavelmente quem tem pele seca vai ter maior duração com ele.



Blush aplicado na bochecha.

Prós:

• Vende no Brasil (Sephora);
• A NARS oferece uma variedade de cores e acabamentos, o Douceur é um ótimo blush para quem quer algo neutro, matte para o dia-a-dia;
• Excelente textura, pó fino.

Contras:

• Não é um blush barato, mas acho que vale a pena. Enfim, é do bolso de cada um, no meu caso, valeu o investimento;
• Em mim, a duração não foi impressionante, tenho blushes que duram um pouco mais (o Hot Mama! da TheBalm dura uma hora a mais e o do blush líquido do Boticário dura muitas, muitas horas).

Decidi dar quatro corações porque acho a cor desse blush incrível! A única decepção mesmo foi a duração.



♥♥♥♥

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Correios, onde estão meus pincéis? #03

Já são meia-noite e eu aqui postando!

Então, ontem (22/02) tive a tal da audiência com os Correios. A representante disse que eu precisava escrever para o site deveria enviar um e-mail pedindo para que o site fosse na agência postal de lá - a que eles enviaram a encomenda - para ele pedir uma autorização que se abstém de pedir o reembolso dando esse direito à mim, enviando isso para os Correios do Brasil e me enviando um comprovante desse envio.

De qualquer forma, enviei o e-mail. Caso eles não façam isso, terei que esperar seis meses para pedir o reembolso. Agora é torcer...

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Correios, onde estão meus pincéis? #02

Então gente, terminei indo no Procon em janeiro e marcaram a audiência para o dia 22/02, ou seja, essa sexta-feira. Agora vamos ver no que vai dar...

Ontem passei por uma experiência chata: o carteiro foi assaltado e meu Kobo foi junto com o sr. ladrão. A Livraria Cultura disse que vai mandar outro o mais rápido possível, talvez chegue ainda essa semana. O chato era a ansiedade que eu tava com o Kobo, fiquei bem frustrada no fim.

Estou pensando em dar um tempo em compras online por conta da irresponsabilidade e do serviço lixo dos Correios.

Update: Saiu uma reportagem dizendo na cidade que moro já tiveram 8 assaltos aos carros dos Correios esse ano. Absurdo! Link da notícia.

Resenha: paleta Undressed, Makeup Academy (M.U.A.)

Estava ansiosa para fazer essa resenha, mas ainda não estava 100% segura, acho depois de passar quase uma semana usando apenas essa paleta, eu me sinto confortável para dar a minha opinião.

Como eu disse no post anterior, comprei a paleta Undressed da Makeup Academy - também conhecida como M.U.A. - numa promoção do site de frete grátis. Optei pela compra porque a paleta saia por mais ou menos R$13 e cada sombra saia por cerca de R$1 e uns centavos. Também fiquei tentada em levar um blush cremoso, mas optei por não comprar porque já tenho muitos.


Para quem não sabe, a Undressed é muito conhecida - principalmente no Reino Unido - por ser um dupe da famosa e caríssima paleta Naked da Urban Decay. Já tive uma mas desapeguei porque não usei muito e sombra não era meu item favorito de maquiagem. Com o tempo surgiu o arrependimento por ter desapegado porque comecei a investir em pincéis, pesquisar novas técnicas e a Naked me pareceu mais bonita.


Mas a resenha é sobre a paleta da M.U.A. e não é uma comparação com a Naked (para comparações sugiro alguns links: este e este).




No post anterior dá pra ver a embalagem, como fazia muito reflexo não tirei mais uma foto.


A embalagem é bem comum: de plástico e sem espelho, o aplicador é daqueles de esponja que eu só uso quando estou com preguiça de pegar um pincel para iluminar o canto interno. Senti um pouco de dificuldade para abrir, mas já peguei a prática. Não recomendaria levar essa paleta para viagens porque sinto que ela é frágil


São doze sombras, sendo duas mattes e as demais com um acabamento shimmer. Gosto muito de sombras matte mas por incrível que pareça, tenho usado mais as com brilho.


As sombras não tem nome, são numeradas de 1 até 12, sendo um a primeira do lado esquerdo da primeira fileira (sentido horizontal) e a décima segunda é a última do lado direito da segunda fileira.



Swatches feitos sem primer.

As sombras são bem pigmentadas e com um leve encostar do dedo ou do pincel já passa a cor. São excelentes de esfumar até por cima do paint pot! Não são sombras grosseiras, com o pó muito grosso, pelo contrário, são mais finas. O brilho também não é de glitter, é leve, sutil.


Não gosto de usar sombra sem um fixador, atualmente tenho usado muito o paint pot Painterly como base de sombras. Com o paint pot por baixo elas não acumulam, mas sem um primer elas acumularam um pouco na minha pálpebra. Não me decepcionei o acumulo porque é bem comum isso acontecer comigo, acho que só as sombras da Sleek que não acumulam comigo.


Como tinha lido muitas resenhas positivas, a paleta não me surpreendeu, atendeu a todas as minhas expectativas.


As sombras que mais tenho usado são a 4, 5, 6, 7, e 8, tenho adorado fazer smokey eyes com elas, fica sensacional tanto para o dia quanto para a noite.


Prós:

• Ótimas sombras;
• Julgo uma excelente paleta neutra, pois dá para fazer maquiagens boas tanto para o dia quanto para a noite;
• De acordo com algumas comparações é um bom dupe para a Naked da Urban Decay (dupe com preço acessível).

Contras:

• Embalagem de plástico, acho que não protege tanto o produto de uma queda ou seja seguro levar para uma viagem;
• Como é um produto importado e comprei em um site de fora, é necessário ter cartão de crédito internacional para efetuar a compra.

Por fim, eu dou quatro corações, tirei um apenas por causa da embalagem, porque caso eu fosse viajar, a Undressed seria a minha primeira opção para levar.



♥♥♥♥

p.s.: Contei para vocês que finalmente acabei o Select Moisturecover? Fiquei tão feliz! Agora estou usando mais o Pro-Longwear no dia-a-dia, em breve faço uma resenha sobre ele.


sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Acabou de chegar!

O porteiro já sabe que eu sou ansiosa e assim que chega o pacote dos Correios, eu desço correndo para ir pegar. Mas não tinha expectativas que chegasse alguma coisa por enquanto, só depois do Carnaval.

Comprei no dia 21/01 no site MUA Store (que estava com promoção de frete grátis para o mundo todo) e chegou hoje! Muito rápido! A paleta que comprei é a Undressed, dizem que é um bom dupe para a Naked 1 e custou £4,00, uns R$13.

Em breve testarei ela!

Foto tirada nas pressas no celular
E bom carnaval!!!

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Produtos que usei hoje

Post rápido só para dizer que estou por aqui, apenas sem tempo para postar nessa última semana.

Essa semana ganhei alguns produtos muito legais de uma amiga e estou testando todos - e amando! Em breve resenharei alguns...



Não usei base, apenas corretivo e pó porque está muito quente.

• Corretivo Pro-Longwear, M.A.C.;
• Blush líquido, Boticário;
• Pó Stay Matte, Rimmel;
• Paint Pot Painterly, M.A.C.;
• Sombra Omega, M.A.C.;
• Lápis bege, Contém 1g;
• Rímel Hypnôse Precious Cells, Lancôme;
• Batom Creme Cup, M.A.C.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Resenha: BB Cream Dream Girls, Skin79

O blog ficou parado alguns dias porque eu estava sem condições de escrever ou tirar fotos por causa de gripe - ou virose como a gente chama por aqui - que me deixou de cama por alguns dias. Ontem eu acordei um pouco melhor, mas a minha pele estava horrível, cheia de manchinhas vermelhas - pele sensível e sem hidratação - e com um espinha.

Sem mais delongas sobre a gripe, hoje decidi fazer a resenha do meu primeiro BB Cream, o Dream Girls da Skin79.




Comprei no ano passado lá no eBay (se tiverem dúvidas sobre vendedores, no topo do blog tem uma sessão "Onde comprar"), não lembro se o comprei em uma promoção, mas no Asian Secrets tá custando US$9 com frete grátis.


A curiosidade sobre BB Creams bateu em mim porque eu confesso que gosto de economizar tempo e o BB Cream é muito útil nisso porque em alguns casos é protetor solar, hidratante e base leve. Sabendo que a minha pele é oleosa, comecei a pesquisar mais sobre BB Creams bons para esse tipo de pele e assim que eu conheci o Dream Girls.




Basicamente, o Dream Girls é um BB Cream multifuncional para adolescentes que ajuda a pele a ficar mais bonita e a esconder um pouco as imperfeições. Tem dupla proteção ultravioleta e não é oleoso.


A embalagem é bem bonitinha, típica de bases, com um bico dosador. Vem 43,5g.


Quando testei pela primeira vez, fiquei um pouco chocada como ele é líquido e acinzentado. No caso desse BB Cream - e a maioria dos BB Creams da Skin79 - ele só tem uma cor. Eu sabia que BB Creams eram acinzentados, mas mesmo assim me assustei um pouco, o lado bom é que esse acinzentado some depois que o BB Cream oxida.


Ao aplicar no rosto, não gostei da sensação, é como uma base meio grudenta que não fixa bem no rosto. Logo que terminei de aplicar, vi minha pele brilhando e não era o resultado que eu esperava de um BB Cream para pele oleosa. Então, sempre tenho que finalizar bem com pó.


Outra coisa que percebi foi relacionada ao fator de proteção solar (FPS 30): é necessária uma aplicação bem generosa do produto e construir, pelo menos, duas camadas.




A cobertura é ínfima, serviu apenas para igualar a cor do rosto. Fiz algumas fotos de antes e depois - que não estão muito boas mas acho que podem ser úteis para ilustrar:




Como a cobertura dele não é lá essas coisas, nunca reparei bem o tempo que o BB Cream fica no meu rosto.


Mas não é um produto tão ruim assim, a hidratação dele é muito boa! Quando fui para Santiago no ano passado estava fazendo uns 5ºC e eu não levei hidratante facial, apenas esse BB Cream. Minha pele é muito oleosa no calor do Nordeste, mas quando vou para lugares mais secos e frios, a minha pele tende a ficar muito ressecada. Levei esse BB Cream justamente para não deixar ela ressecar tanto e consegui!


Enquanto no frio ele é um bom BB Cream, no calor ele fica péssimo em mim! Minha pele fica mais oleosa e o brilho que ele deixa me incomoda.


Como de costume, vou listar os prós e contras:


Prós:

- Alta proteção FPS 30;
- Hidrata bastante.

Contras:

- Apenas uma cor;
- Não recomendo para peles oleosas por conta do acabamento que fica após a aplicação;
- Cobertura mínima;
- Para o FPS realmente funcionar, é preciso passar várias camadas;
- Não controla a oleosidade.

E por conta dessa lista enorme de contras, eu decidi dar apenas um coração - porque ele salvou a minha pele no frio.